Um alguém chamado você - Entre Sujeitos e Verbos

07/08/2012

Um alguém chamado você

Lembro de quando te conheci. Na realidade, de quando te vi pela primeira vez. Não te notei e você passou por mim como qualquer outra pessoa. E eu passei por você como qualquer pessoa também.
Seríamos apenas dois alguém que se cruzaram enquanto corriam agitados para resolver suas vidas. Mas a vida se encarregou de nos encontrar de novo. Dessa vez nos apresentamos e conversamos bastante. E nos encontramos diversas outras vezes.
Quando nos cruzamos pela primeira vez não imaginava que um dia iria falar com você. Também não imaginava que você fosse tão bacana. Eu estava num momento bastante chato da vida que me impedia de ver esse seu lado amigo. Conversamos muitas vezes depois, o que fez com que nos conhecêssemos bastante. Ficamos horas trocando conversa sobre nossas vidas.
Seu jeito especial fez com que eu lembrasse de você algumas vezes. E foi aí que você ganhou alguns de meus versos. Dividiu lugar com meus desabafos, tristezas e alegrias.
Chegaram momentos em que fiquei bastante triste e você estava lá pra me consolar. Fez isso tão bem.
E agora me pego escrevendo sobre você. Dessa vez não versos, mas um texto inteirinho.
Se alguém ler isso vai acreditar que estamos juntos ou algo assim. Mas não estamos. Estamos numa importante relação de amizade que me faz bastante feliz. Não quero pensar onde isso vai nos levar ou o que pode acontecer entre a gente. Não quero pensar nem forçar nada. Está tão bem assim. Vamos deixar que o tempo se encarregue do nosso futuro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga no Facebook

Siga no Instagram

A partir do dia 03/08/2013, as fotos são de autoria do autor do post, quando não indicado o contrário.
Antes dessa data, as fotos utilizadas aqui no blog foram encontradas na internet, quando não indicado o contrário. Se você é ou conhece o autor, informe nos comentários e colocarei os devidos créditos :)