Pequenas lembranças - Entre Sujeitos e Verbos

21/08/2012

Pequenas lembranças


Hoje parei pra me olhar um pouco. Me olhar por dentro e arrumar algumas coisas. Sim, porque está uma verdadeira bagunça de sentimentos dentro de mim.

Revi histórias boas e ruins. As boas guardei numa caixinha cor-de-rosa. As ruins deixei na cesta de coisas antigas que iam pro lixo.
Achei fotos de pessoas também. As que me fizeram chorar de tristeza e as que me fizeram chorar de felicidade. Guardei na caixa rosa as pessoas que me fizeram muito feliz.

Achei sorrisos e lágrimas. Os sorrisos, claro, caixa rosa. As lágrimas, cesta de coisas que não merecem serem guardadas.

Num cantinho estavam amontoados diversos sentimentos. Nervosismo, amizade, estresse, compaixão, raiva, amor... Todos misturados. Por isso eu estava tão confusa! Separei e guardeio-os em duas caixas diferentes: uma com nervosismo, estresse, raiva e outros, e outra com amizade, compaixão, amor, esperança e outros...  Vou guardar as duas caixas, afinal de contas a vida é composta pelos dois lados.

Abri a janela do pequeno quarto de lembranças. Um lindo sol entrou. Varri e tirei o pó. Peguei um grande mural e coloquei todos os sonhos escritos em pequenos papeizinhos. Acima deles um grande aviso escrito à mão: não esquecer, não deixar de buscar.

Na outra parede, uma estante com diversos livros que descrevem minha vida e as três caixas que arrumei. Na terceira parede, uma escrivaninha com um bloco de papel em branco, lápis, borracha e lápis-de-cor.

Tudo está em ordem. Sinto que as coisas podem continuar agora. Resolvo sair do pequeno quarto interior e levo a cesta pra jogar fora. Deixo a porta entreaberta com um aviso na frente: entre, preciso de alguém pra escrever comigo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga no Facebook

Siga no Instagram

A partir do dia 03/08/2013, as fotos são de autoria do autor do post, quando não indicado o contrário.
Antes dessa data, as fotos utilizadas aqui no blog foram encontradas na internet, quando não indicado o contrário. Se você é ou conhece o autor, informe nos comentários e colocarei os devidos créditos :)