Clarissa Corrêa: De repente - Entre Sujeitos e Verbos

01/09/2012

Clarissa Corrêa: De repente


Eu tinha desistido de algumas coisas. De repente o mundo passou a ficar complicado e eu me perdi de mim, me perdi de tudo e desisti. Antes de desistir eu resisti. Sempre fui meio valente, daquelas que vão até o fim, mesmo que doa, mesmo que seja difícil. Nunca dei bola para o difícil, sempre investi no que eu achava certo e no que meu coração me dizia. Só que uma série de fatores fizeram com que eu desacreditasse em...em tudo!
E então você ligou para me dar boa noite. Achei estranho aquilo, fazia tempo que eu não me sentia cuidada, acho que já tinha esquecido desse tipo de sentimento. E então você me falou "desliga primeiro, as meninas desligam o telefone antes". E eu achei aquilo lindo. E estranho. Percebi que eu não estava mais acostumada com esse tipo de coisa. Percebi, com tristeza, que eu me desacostumei a ser bem tratada. Isso existe? Depois de levar algumas porradas nós acabamos nos tornando mais resistentes. Depois de algumas decepções passamos a não acreditar em tudo o que dizem. Depois de faltar sempre alguma coisa reagimos com estranheza a pequenos gestos bonitos.
Vi que muita coisa aconteceu nesse meio tempo. Naquele momento em que eu me perdi de mim talvez eu tenha perdido um pouco a fé. Fiquei tão "adaptada" aquela vida de não receber, não obter, não e não e não que acabei não sabendo lidar com a infinidade de "sim, sim, sim". Os não aplausos se tornaram frequentes e eu passei a não saber de mais nada.
E então você apareceu me dando boa noite, se preocupando com a minha vida de verdade, sendo gentil, carinhoso, cavalheiro, divertido, educado...e eu percebi que existe muito em mim ainda. Que mereço muito ainda. Que (realmente) eu posso amar alguém ainda. Talvez seja você. A vida vai dizer. De qualquer forma: obrigada por me fazer dormir sorrindo.


Clarissa Corrêa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga no Facebook

Siga no Instagram

A partir do dia 03/08/2013, as fotos são de autoria do autor do post, quando não indicado o contrário.
Antes dessa data, as fotos utilizadas aqui no blog foram encontradas na internet, quando não indicado o contrário. Se você é ou conhece o autor, informe nos comentários e colocarei os devidos créditos :)